Pular para o conteúdo principal

Postagem em destaque

China: Novo túnel de vento vai ajudar a desenvolver caça de geração próxima até 2035

O novo túnel de vento da China, chamado FL-62, realizou sua primeira operação no dia 26 de maio, em um teste para uma nova aeronave não revelada, que provavelmente será um caça a jato da sexta geração mais avançado que o J-20 e o J-31.
Poder Aéreo


Referindo-se às novas aeronaves, o designer-chefe do jato J-20, Yang Wei, havia dito em um programa televisivo da CCTV que a China projetaria “uma aeronave muito diferente no futuro através da verdadeira inovação”.

O campo de fluxo gerado pelo túnel de vento foi estável e os dados de teste da aeronave foram coletados pela primeira vez, anunciou o Aerodynamics Research Institute, da estatal Aviation Industry Corporation of China (AVIC), em comunicado divulgado nesta terça-feira pelo Global Times.

A China iniciou o trabalho em um caça de última geração a ser apresentado até 2035 ou mais cedo, segundo Wang Haifeng, arquiteto-chefe do Instituto de Pesquisa e Design de Aviões de Chengdu da AVIC em 2019, que também participou do desenvolvimento dos av…

EUA criarão 2 bases militares para 'proteger' reservas de petróleo da Síria, reporta mídia

Soldados americanos construirão duas bases militares na província síria de Deir ez-Zor, rica em petróleo, no nordeste da Síria, para controlar os campos de petróleo, informou mídia.


Sputnik

De acordo com a agência Anadolu, o Exército dos EUA está se preparando para posicionar duas bases na região de al-Sur.


Poço de petróleo no campo Rmeilane, província de Hasakeh, Síria, julho de 2015 (foto de arquivo)
Poço de petróleo no campo Rmeilane, província de Hasakeh, Síria, julho de 2015 (foto de arquivo) © AFP 2019 / YOUSSEF KARWASHAN

A publicação especifica que os EUA destacaram 250-300 soldados adicionais, bem como veículos blindados, armas pesadas e munições para a área para realizar a construção das bases.

Anteriormente, o presidente norte-americano Donald Trump anunciou planos para convidar grandes empresas americanas a explorar os depósitos petrolíferos no país árabe.

Área estratégica

Em 1º de novembro, o Exército dos EUA retomou o patrulhamento dos campos de petróleo no nordeste da Síria após a operação militar turca Fonte de Paz ter sido suspensa.

No dia 28 de outubro, o secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, anunciou que as tropas americanas permaneceriam instaladas "nesta área estratégica" para proteger os campos petrolíferos, principalmente contra o Daesh [grupo proibido na Rússia e em vários outros países]. A Rússia criticou a declaração de Washington, considerando que "capturar e manter o controle militar sobre os campos de petróleo no leste da Síria é simplesmente banditismo estatal internacional".

O enviado especial do presidente russo à Síria, Aleksandr Lavrentiev, indicou que os campos de petróleo no nordeste da Síria deveriam ser controlados apenas pelo governo sírio.

Além disso, o porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, destacou que os Estados Unidos recebem mais de 30 milhões de dólares por mês da produção de petróleo na Síria.

A Síria vive um conflito em que as forças governamentais enfrentam grupos armados da oposição e organizações terroristas desde março de 2011.


Comentários

NOTÍCIAS MAIS LIDAS